Blog

24/02/2022

Linguagem PHP: por que é importante para o profissional full-stack?

Linguagem PHP: por que é importante para o profissional full-stack?

No campo da programação, os profissionais de TI encontram uma vasta gama de opções para lidar com as demandas do dia a dia profissional. Enquanto a linguagem Python é tida como queridinha no campo do Data Science, por exemplo, a linguagem PHP é a preferida dos desenvolvedores full-stack. Mas você sabe por que ela é importante para o dev?

Gratuita, fácil de utilizar e bastante abrangente, a linguagem PHP é a ferramenta ideal para quem deseja trabalhar com projetos completos de forma prática e eficaz. Essa linguagem de programação vem ganhando cada vez mais adeptos – em especial os desenvolvedores web.

Sua principal tarefa é criar scripts por meio de servidores em páginas codificadas em HTML. Em outras palavras, podemos dizer que o PHP é uma valiosa ferramenta para tornar os sites mais dinâmicos por meio de um sistema ágil e otimizado.

Se você já atua como desenvolvedor full-stack ou pensa em estudar a área, saiba que essa ferramenta o acompanhará rotineiramente. Por isso, é importante compreender seu uso e importância. Acompanhe o texto a seguir e saiba por que a linguagem PHP é importante para o full-stack

O que é PHP?

Antes de nos aprofundarmos sobre todas as funcionalidades que essa ferramenta oferece ao desenvolvedor, vamos compreender seu significado. PHP é a sigla para Personal Home Page (ou Página Inicial Pessoal). Hoje a sigla é melhor interpretada como sendo um pré-processador de hipertexto. 

O PHP nada mais é que uma linguagem de script de uso geral, frequentemente utilizada para o desenvolvimento web. 

Como dito anteriormente, ela pode ser embutida no código HTML para otimizar as aplicações e tornar o site mais legível. Assim como outras opções da mesma classe de ferramentas, o PHP é uma linguagem de programação de código aberto e de uso livre e gratuito. Você pode baixar o programa clicando aqui

Seu uso se disseminou por ser uma linguagem de fácil utilização, além de ser compatível com diferentes sistemas operacionais. Para os desenvolvedores full-stack, ela se torna uma ferramenta completa que pode aprimorar os processos tanto do front como do back-end. 

Como funciona a linguagem PHP?

Na prática, o PHP é muito utilizado em conjunto com o HTML, já que ambos se complementam e tornam as aplicações mais ágeis e completas. Enquanto o HTML é utilizado para demarcar blocos estáticos nas páginas da web, o PHP conecta o servidor e gera respostas na hora de carregar o site.

Essa mesma logística acontece quando o usuário trabalha o PHP em conjunto a outras linguagens, como CSS (folhas de estilo) ou JavaScript. Ou seja, é uma ferramenta valiosa para tornar o desenvolvimento web ainda mais assertivo – visando a melhor experiência para o cliente final. 

A linguagem PHP é importante para o full-stack, porque facilita o trabalho diário de desenvolvimento e torna as ações de um site mais eficientes. Com uma resposta mais rápida, a experiência digital se torna mais confortável e assertiva, gerando maior acessibilidade para a página.

Quais as vantagens da linguagem PHP?

  • Otimiza o desempenho do site;
  • Oferece diversas interfaces e aplicações;
  • É compatível com muitos bancos de dados; 
  • É gratuito, prático e eficaz;
  • Possui bibliotecas e frameworks que facilitam o trabalho do dev;
  • Permite portabilidade e compatibilidade com outras ferramentas,
  • Disponibiliza código-fonte. 

Em quais situações é melhor utilizar o PHP?

O principal uso do PHP é no desenvolvimento web, já que o programa é capaz de conectar servidores e interfaces. Mas não é só nisso que o programa se destaca no universo da TI. Abaixo, separamos algumas das principais situações em que a linguagem PHP pode ser utilizada para otimizar a aplicação.

Aplicações em sites

A principal função do PHP é entregar um tempo de resposta mais rápido para os sites desenvolvidos em HTML. Além disso, facilita a leitura de bancos de dados complexos e que exigem um suporte robusto. Empresas como o Facebook e o Google se utilizam da linguagem PHP em seus servidores, por exemplo.

Na prática, o PHP diminui o tempo de carregamento das páginas, tornando a navegação mais leve, já que o servidor não fica sobrecarregado. O desempenho dos sites ganham e muito com a aplicação.

Otimização do WordPress

Se você está acostumado a utilizar o WordPress como plataforma para sites, já deve ter se deparado com a linguagem PHP como protagonista, afinal ela é a principal base de sustentação do aplicativo. 

Além disso, o PHP faz toda a diferença para os plugins adicionais do Wordpress, isso porque ajudam a tornar os sites mais completos por meio de funcionalidades específicas. Cabe ao PHP tornar esse processo mais leve e não sobrecarregar o site, por isso é tão utilizado em conjunto com a plataforma. 

E-commerce

Seguindo a mesma lógica dos demais, as lojas virtuais também demandam um servidor rápido e prático para dar conta do alto número de acessos em suas plataformas de venda. 

O PHP proporciona ao e-commerce maior desempenho e uma navegação satisfatória para o cliente final. O back-end dos principais marketplaces mundiais já se utilizam da linguagem para otimizar seus sistemas. 

Como você pode perceber, a linguagem PHP é imprescindível para o desenvolvedor full-stack desempenhar um bom trabalho. Prática, eficiente e gratuita, ela facilita o trabalho diário dos profissionais da área e centraliza diversas funcionalidades em uma só plataforma.

Se você está trabalhando na área ou ainda pretende se inscrever em um curso de Full-Stack, saiba que a linguagem PHP será um dos principais temas decorridos em sala de aula, e será uma ferramenta que frequentemente te acompanhará em sua jornada profissional.

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site.
Conheça a nossa Política de Cookies.